Alfabeto das Séries: D

Cá estou eu novamente, desta vez para falar das séries começadas pela letra D. Nesta rubrica baptizada de Alfabeto das Séries, procuro aprender um pouco mais sobre séries que não conheço e dar a conhecer novas séries aos leitores do Imagens Projectadas. Comecemos, então.

  • Doctor Who, (1963–1989, 1996, 2005– ), BBC, Parada.

doctorwhoDoctor Who é o amor da minha vida. Não me canso de falar sobre esta série, mas por uma questão de simplicidade, posso redireccionar-vos para um artigo que escrevi sobre Doctor Who num blog onde fui convidado. Com 50 anos feitos há uns dias, esta série não deixa de inovar e de me surpreender, ocupando por isso o posto de série favorita na longa lista de séries que vejo.

Classificação:
starstarstarstarstar

  • Dexter, (2006–2013), Showtime, Terminada.

Dexter

Dexter é uma série sobre um analista forense especializado em padrões de dispersão de sangue que trabalha no Departamento de Polícia de Miami e nos tempos livres é também um assassino em série. Com 8 temporadas e um total de 96 episódios, Dexter começou em glória e acabou em desgraça. Há quem discorde, mas na minha opinião, Dexter teve quatro temporadas fantásticas e depois começou a piorar, terminando com um final que parece não ter agradado a ninguém. O que aconteceu com esta série foi uma pena, mas apesar da queda de qualidade, é preciso não esquecer a enorme fama que Dexter teve nos primeiros anos.

 Classificação:
starstarstarstarstar

Continuar a ler

Cemitério de Séries #1 – Episódios Musicais

Primeiro, uma introdução ao meu novo espaço por aqui! Olá, eu sou a Babs e ao contrário de toda a gente que gosta de dizer “ah que estou tão ocupado hoje, porque tenho 2 episódios em atraso e que não tenho vontade de ver”, praticamente não sigo séries… nem vi nenhuma até ao fim.

Digamos que caio na categoria das pessoas que gostam de fingir que estão ocupadas por ver séries mas se nem consigo assimilar a rotina de ir a uma cadeira todas as semanas, muito menos tenho paciência para acompanhar uma série todas as 2as. Há séries que até me sugam por uns dias, mas passado um tempo lá as deposito no meu cemitério particular de séries.

Isto dito, grande parte do que vejo em termos de séries cairia facilmente nos chamados guilty pleasures, com a excepçao de que não os considero como tal já que o meu objectivo ao clicar num episódio é ficar entretida durante 20/40 minutos sem resistir à tentaçao de desligar e ir buscar um livro. Portanto, quem revirar os olhos às minhas escolhas pode respirar fundo e seguir o link. Resumindo, este espaço mensal vai basicamente falar sobre episódios ou temporadas que tenha visto e gostado ou odiado de uma perspectiva de alguem que nao segue nada religiosamente a não ser que tenha adolescentes a cantar (Glee!). Continuar a ler

Vamos falar de números… #5 – The Chemistry is everything…

Estou de volta ao Imagens, e desta vez venho falar-vos de química. Mas fiquem descansados não vos vou falar da fórmula química da água ou algo similar, simplesmente irei falar da química pura entre dois seres humanos de sexo oposto. Tal como na realidade, no mundo das séries a química é fundamental para a qualidade e a credibilidade de um casal perante um espectador cada vez mais exigente. Muitas vezes as séries resolvem apostar nessa mesma química inerente e fazer os fãs sofrer durante longas temporadas à espera da junção do casal maravilha.  Continuar a ler