Hits & Flops #11 Happy Thanksgiving

Olá a todos, sejam bem-vindos à coluna de opinião (nome engraçado e comprido) do Imagens Projectadas. Todos os domingo eu, Miguel Bento, e o António Guerra , traremos os Hits e os Flops da semana que passou. O melhor e o pior em termos de televisão americana e britânica. Por isso, e sem mais atrasos, vamos embora ao que interessa.

Esta semana voltamos regressados de uma pausa e novamente alone e inundado peloThanksgiving americano que fez parar as séries quase todas, ou apenas em alguns dias. Esta foi a safra da semana que passou:

  • Dexter 7.08 – Argentina 

Numa altura em que a série tem de entrar na recta final, este foi um episódio um pouco mais coeso que inicialmente a temporada apresentava. De facto podemos questionar aquela revelação da Debra sobre os seus sentimentos, mas ignorar algo que foi essencial na temporada passada também não era boa ideia. O jogo entre Dexter e Isaak está ao rubro a conversa entre eles foi a melhor cena do episódio. Até o declínio do Quinn aqui parece ser mais interessante do que foi a personagem durante toda a série, espero é que tenha o final esperado. Faltam poucos episódios para o fim e penso que esta temporada pode ser a primeira parte do fim de Dexter, esperemos que não metam o pé na poça novamente.

  • Homeland 2.08 – I’ll Fly Away

Mais um episódios frenético onde Carrie não chora mas que volta a cometer o erro do costume, passar por cima de tudo e de todos para atingir o seu objectivo. Embora o episódio não tenha avançado muito além do que já sabíamos  até porque as atitudes do Brody o iam denunciar, o final não choca porque aconteceria a qualquer momento. Quanto à sua filha o caso ate conseguiu ser mais relevante do que aparentava de inicio, embora a actriz continue a não conseguir ser mais que uma trombuda a passear pela série. Agora continuam as questões: o que se segue? Onde foi parar Brody? Qual é realmente o plano? Como é que a Carrie passa um episódio sem chorar? Entramos na recta final!

  • Don’t Trust Bitch on Apt 23 – 2.04 – I’ts a Miracle…

As comédias adoram uma boa piada sobre o Thanksgiving e esta não foi excepção, tirando talvez a parte de ser um bocado previsível houve cenas muito boas durante o jantar em família orquestrado para ser um falhanço. A série tem potencial e imensa graça pela sua excentricidade, é pena as audiências ditarem provavelmente o seu fim em breve.

  • Hunted 1.08 – Snow Maiden

A série inglesa conclui esta semana a sua saga, de certa forma foi um episódio para terminar o caso da Polyedrus, mas também foi o inicio de pequenas histórias para explorar numa segunda temporada. Ora o problema é que poderá nem haver segunda temporada e isso apesar de tudo ali fazer sentido, ou quase, é lamentável. De alguma forma a história não desaponta o que estraga isto é mesmo terem surgido novos factos sobre o passado de Sam e também sobre a real identidade de Aidan. Será que vamos saber mais? É realmente uma pena que uma série destas não tenha sequer segunda chance para explorar um pouco mais o seu potencial.

  • American Horror Story 2.06 – The Origins of Monstrosity

Depois das revelações do episódio anterior este não conseguiu surpreender dado que se limitou a confirmar aquilo que já todos sabíamos.  O facto de ser o psicólogo a orquestrar tudo aquilo era de certo modo de prever há algum tempo. Não gostei nem do pouco tempo que continuam a dar à história actual nem percebo de onde surgiram aqueles três cadáveres pendurados(não eram só dois?)  . E basicamente disseram-nos o final da história com aquele telefonema. Depois o ‘dr. Jekill’ e a confissão da sua busca também serviram para dar um ar ainda mais macabro ás experiências. De resto continuamos sem saber ao certo o plano da Sister Jude, mas a história já está menos interessante que a primeira temporada e portanto não acredito que consigam revelar algo mais surpreendente do que até aqui. Se vierem os aliens isto perde toda a credibilidade.

  • Walking Dead 3.06 – Hounded

Mais uma vez Walking Dead consegue o feito de transformar os personagens em idiotas então vejamos: Rick atende telefones na prisão onde se confessa e se redime dos seus pecados, eu entendo que o estado de choque levasse aquilo, mas era escusado ser desta forma. Depois o Daryl a passear nos corredores e quem é que não percebeu de imediato que a porta que ele ‘ignorou’ era onde estava a Carol? Não nos façam de parvos. Entretanto na cidade Andrea depois de ficar escandalizada com o show do episódio anterior aceita de um momento para o outro que gostou do que viu… o que foi isto? De resto Merle não poupou em fazer dois reféns e assim convergir finalmente os dois ‘lados’, ao menos é coerente. Claro que tivemos direito à cena gore já tradicional com um banho de tripas em Michone. Um episódio de transição, mas que mantém a fraca qualidade do argumento.

  • Happy Endings 3.04 – More Like Stanksgiving

E na linha do que acontece com Apartment 23, Happy Endings brinda-nos também com um episódio de Thanksgiving, mas ao contrário da outra que conseguiu ter alguma piada, este episódio foi muito mais fraco. A senda de Dave pelas pelas suas origens navajo e Ameijoas (ou algo parecido) foi um desastre total, não teve praticamente piada. E o restante episódio foi uma espécie de How we met our friends, que supostamente foi num reality show que nunca foi exibido. Apesar de alguns apontamentos engraçados e normalmente associados ao Max o episódio foi muito básico. E a KerkoBitch teve a sua piada também. Mas esta temporada não está a conseguir surpreender como a segunda.

Anúncios

One thought on “Hits & Flops #11 Happy Thanksgiving

  1. Esta temporada de Happy Endings está fraquinha. Eu até gostei do último episódio mas nada ao nível da 2ºtemporada. Estou até a gostar mais da Bitch in the Apt 23. Tem mostrado imenso potencial.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s