Hits & Flops #7 – American Horror Story, Once Upon a Time e Homeland

Olá a todos, sejam bem-vindos à coluna de opinião (nome engraçado e comprido) do Imagens Projectadas. Todos os domingos (sim, de novo excepcionalmente à segunda. O coisas do António atrasou-se) eu, Miguel Bento, e o António Guerra , traremos os Hits e os Flops da semana que passou. O melhor e o pior em termos de televisão americana. Por isso, e sem mais atrasos, vamos embora ao que interessa.

A ultima semana de estreias efectivas da Fall Season, sem nada de mais a apontar e com alguns cancelamentos já garantidos começam os reforços nas que se vão aguentando.

  • American Horror Story – 2.01 – Welcome to Briarcliff

Se dúvidas havia de que estes tipos são loucos agora ficou provado. Apesar de ser um episódio de introdução meio confuso à nova história teve direito a tudo o que de macabro  o estilo da série nos proporcionou o ano passado. Desde o vocalista dos Maroon 5 sem um braço, raptos alienígenas (por confirmar), torturas a pacientes com cenas a lembrar o Clockwork Orange, uma infinidade de freaks naquele sanatório e freiras com desejos lascivos. A isto junta-se um poderoso elenco em que Evan Peters mais uma vez mostra todo o seu talento e claro Jessica Lange provavelmente a preparar-se para mais uns prémios. Para quem gosta do género esta série garante entretenimento puro sem se preocupar nos sustos cliché do género. Foi um inicio que surpreendeu sem dúvida.

  • Homeland – 2.03 – State of Independence

Sei que talvez seja demasiado e esteja a repetir-me, mas Homeland continua com excelentes níveis exibicionista  citando uma linguagem futebolística. A série consegue ir desfazendo um novelo que parecia demasiado preso e que a maioria das séries nunca abriria tão cedo. Brody tem a cama a ser preparada, Carrie vê pela primeira vez ser reconhecida a sua astúcia, e a série dá uma excelente reviravolta. Quando se olha para trás, vê-se que já passou tanto e só foram 3 episódios queimados. Homeland prepara-se para uma temporada ainda melhor que a primeira. Esperemos que se concretize

  • Dexter – 7.03 – Buck the System

Apesar de algumas falhas neste argumento este foi até agora o melhor episódio da temporada. Com Dexter a tentar convencer a sua irmã de que o que ele faz não é assim tão condenável e pelo menos aqui não se cometeu muitas asneiras e pode ser que algo de bom surja. Mas quem parece estar ao nível dos melhores vilões da série é Isaak o recém chegado barão de uma máfia de leste que sem piedade matou um dos personagens regulares que rapidamente perdeu interesse no inicio desta temporada. Agora Dexter é alvo a abater e tudo pode acontecer. Começa a ficar interessante.

  • Castle – 5.04 – Murder, He Wrote

Reconhecer que Castle foi um Hit não é de forma alguma menosprezar as outras séries. Até porque, como lerão nos flops, esta semana foi estranha para os meus lados. Mas vamos explicar o porque desta referência. Castle poucas vezes sai da sua zona de conforto. E esta semana saiu e deu-se bem. Foi um caso interessante, mas essencialmente serviu para ver o novo casalinho a funcionar em parelha. E funcionou bem. Claro que não se percebe o fascínio do escritor por casos quando tem uma mulher daquelas na cama. Mas há-de se entender estas personagens…Bom episódio. Talvez outros fossem melhores que Castle (Dexter, já falado pelo Miguel, ou The Good Wife, que também estou a gostar bastante) mas mereceu o destaque.

  • Nashville – 1.02 – I Can’t Help It (If I’m Still In Love With You)

Se havia dúvidas que a série podia nos enganar o segundo episódio manteve o nível do primeiro e a história começa a tomar rumo pelo meio de canções e intrigas. É certo que os triângulos amorosos começam a despontar o que dá algum  tom mais novelesco à série, mas a dupla de protagonistas continua a manter a faixa elevada. O argumento parece-me sólido e não cai nos lugares comuns da luta pela popularidade há algo mais e fica implícita uma forte critica ao star system musical.

  • Emily Owens MD – 1.01 – Pilot

Um monte de clichés e histórias de médicos com aspecto de terem 18 anos ou melhor mentalidade de 15. Não entendo a necessidade da CW nesta série quando já existe outra na mesma linha e aparentemente com melhor qualidade como Hart of Dixie. Nem vale a pena dizer mais nada.

  • Once Upon a Time – 2.03 – Lady of the Lake

Não entendo o rumo da série, não percebo o que pretendem fazer com os personagens todos dispersos e sem um claro objectivo que não seja sair de onde estão. Este episódio só serviu para nos apresentar a mãe da Regina e como ela continua malvada depois de uns twists manhosos típicos da série. Emma continua a ser a descrente em tudo e parece uma tola no mundo da fantasia, o Charming parece um parolo no meio da cidade sem saber o que realmente anda a fazer. Por favor não voltem a fazer um episódio sem a presença do Mr. Gold.

  • Suburgatory – 2.01 – Homecoming

Não é que tenha sido um mau episódio, teve alguns momentos engraçados sobretudo relacionados com a recente descoberta de Lisa sobre o seu irmão ser adoptado. Mas no núcleo central soube a mais do mesmo, a série não arriscou muito e parece que estamos a ver a temporada anterior.  É pena não se aproveitar um pouco mais do potencial daquela vila. Fiquei com vontade de não continuar a ver.

  • A semana sem Flops

Quando eu e o Miguel criamos esta rubrica nunca pensamos nesta situação. Mas foi o que aconteceu. Houve episódios piores que outros (Modern Family à cabeça) mas um flop para mim é um episódio pior do que o nível normal da série. E isso não houve. Foi uma semana atípica, também porque vi poucas séries. Por isso, desejamos que todas as semanas fossem assim…mas não são. Que venha a próxima!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s