Cemitério de Séries #1 – Episódios Musicais

Primeiro, uma introdução ao meu novo espaço por aqui! Olá, eu sou a Babs e ao contrário de toda a gente que gosta de dizer “ah que estou tão ocupado hoje, porque tenho 2 episódios em atraso e que não tenho vontade de ver”, praticamente não sigo séries… nem vi nenhuma até ao fim.

Digamos que caio na categoria das pessoas que gostam de fingir que estão ocupadas por ver séries mas se nem consigo assimilar a rotina de ir a uma cadeira todas as semanas, muito menos tenho paciência para acompanhar uma série todas as 2as. Há séries que até me sugam por uns dias, mas passado um tempo lá as deposito no meu cemitério particular de séries.

Isto dito, grande parte do que vejo em termos de séries cairia facilmente nos chamados guilty pleasures, com a excepçao de que não os considero como tal já que o meu objectivo ao clicar num episódio é ficar entretida durante 20/40 minutos sem resistir à tentaçao de desligar e ir buscar um livro. Portanto, quem revirar os olhos às minhas escolhas pode respirar fundo e seguir o link. Resumindo, este espaço mensal vai basicamente falar sobre episódios ou temporadas que tenha visto e gostado ou odiado de uma perspectiva de alguem que nao segue nada religiosamente a não ser que tenha adolescentes a cantar (Glee!).E pegando nisso, o tema hoje é episódios musicais em séries ou cenas em que as personagens cantam.

HIMYM – Foi o último episódio que vi enquanto estava a seguir porque conclui que depois deste episódio nenhum seria tão awesome. Então, o Barney decide cantar uma musica sobre fatos. Awesome, certo? Certo.

Buffy – Houve uma altura em que seguia isto na Sic Radical porque uma amiga minha precisava de alguem para comentar o quao giro estava o Angel nos episódios. Entretanto o Angel saiu e deixou destroçados os nossos coraçoes de miudas que nao sabiam ir à net ver spoilers desta série ja tinha passado ha 500 anos. Um dia, decidem todos cantar. E digo eu, nao ha nada melhor do que demónios que cantam ou vampiros torturados a cantar para a caçadora de vampiros.

Adventure Time – Adventure Time passa no Cartoon Network e aparentemente o pessoal de controlo fecha os olhos aos milhentos innuendos da série que acabam por fazer com que gente mais velha acabe por ver (aliás, será que há crianças a ver adventure time?). E não foi isso que me fez ver um dos episódios montes de vezes, mas sim a cena em que a Marceline, Rainha dos Vampiros, canta uma música para a Princess Bubblegum, e que acabou por levar os estúdios a despedir a equipa que fazia a recapitulaçao do episódio por constatarem o que era obvio na cena. (e no mesmo episódio, ficamos a saber que o protagonista guarda em segredo cabelos da Princess Bubblegum… ok.)

Dawson’s Creek – A Joey gostava do Dawson, o melhor amigo, a miúda nova na cidade atirava-se a ele e algures no final da 1ª temporada a Joey decide perder a timidez e participar num concurso de talentos em que cantar desafinadamente uma música dedicada ao amigo. O que parece piroso (e é) acabava por ser o tipo de demonstraçao de afecto que eu me imaginava a fazer quando tinha 14 anos e que felizmente nunca fiz e por outro, essa música era a On My Own dos Miseráveis que me deu a conhecer o musical que acabei a ver em versao concerto umas infinitas vezes e também ao vivo.

Grey’s Anatomy – Há uns anos, andava com os episódios no iPod para ver com as amigas. Entretanto, o George morreu e a Izzie também, ou então um deles sobreviveu, mas nunca cheguei a ver o que aconteceu a seguir porque com tanta morte e não-morte perdi o interesse… Excepto por um episódio 2 ou 3 temporadas depois em que a equipa médica canta. E não seria qualquer hospital ou centro de saúde seria bem mais agradável se os médicos decidissem cantar mesmo que desafinadamente como neste episódio? Temos então uma médica a abanar a cama onde ela própria está a morrer, não faço ideia porquê já que não sigo e eu decidi que não queria mais saber do enredo desde que esteja tudo a cantar.

Portanto, da próxima vez que ligarem a tv e virem gente a cantar numa qualquer série que nem conhecem bem, respirem fundo se não gostam de musicais ou, bem, acalmem-se no caso de gostarem muito, esqueçam o facto de nada fazer completo sentido porque isto é ficção (BRAND NEW INFORMATION FOR YOU), so… enjoy!

Anúncios

4 thoughts on “Cemitério de Séries #1 – Episódios Musicais

  1. Como sabemos, o teu gosto por séries sempre me deixou boquiaberto. Mesmo assim, consegues ter duas ou três séries que sou capaz de gostar de vez em quando. Já é uma vitória 😛

    Bem vinda

  2. Não percebi o teu texto. Primeiro dizes que não vês séries, depois dizes que segues religiosamente Glee como é ? Ou segues ou não segues. Ou só uma série não conta?

    Sei que é o teu primeiro post, mas por questões de histórico e de contexto acho que ficava bem mencionares o número e o episódio a que referes, porque para aqueles que só vêem episódios esporádicos não sabem sequer de que é que estás a falar, ou porque para aqueles que seguem religiosamente outras séries é mais fácil identificar o episódio pela season e pelo número.

    Juro que quando comecei a ler o teu post pensei que irias falar do impacto que tem nos espectadores que não vêem séries, personagens que só cantam ou dançam.
    Mas, não. Falas da série esquecendo até o mais importante dos episódios musicais, a música e o quanto os actores mudam o seu papel para poder cantar ou dançar.

    Espero que sigas a dica que te dou acima. 😉

    Fiquei curiosa para ver o teu próximo cemitério.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s